Anuncios

terça-feira, maio 25, 2010

Picos solitários que existem em Itajaí

Fotos tiradas hoje dia 25/05/2010 as 10:30 horas da manhã

Essa onda acima quebra no lado direito da ilhota do geremias em cima de uma ponta de pedra, agora a imaginação viaja ao ficar visualizando o que se poderia fazer nesta onda, se realmente é surfável e o fundo de pedra é muito raso, ou se é apenas a ponta da pedra o resto fica sem perigo, cabe aos nativos desbravar estes picos que quebram frequentemente e sozinhos nas ondulações do quadrante leste.

A mesma onda no mesmo lugar da foto anterior, só que ela vem com dois picos e mais irregular, mas em condições lisas, essa onda daria um lindo drop atrasadaço para se passar por dentro do expressinho solitário da praia do cachorro loco.
Indo um pouco mais a direita da ilhota já mais perto da praia de cabeçudas funciona uma direitinha atentadora também, ela arma aquele pico na frente daquela pedrerazinha totalmente dropável e depois fica gordo, mas em dias com ondulações bem tortas de leste, este pico fica alucinante e tubular.

Uma onda que talvez nunca seja surfada, não podemos dizer que nunca será surfada, pois quem sabe essa nova geração atirada não estabeleça um novo limite para o surf nos picos solitários de Itajaí, é a onda mais casca de todas essas solitárias que rodam nas redondezas entre atalaia e cabeçudas, ela joga a ponta de seu lip bem na frente da ilhota de geremias que vemos a ponta dela no canto desta foto acima.
O famoso vassorão do atalaia, essa onda já a tempo é buscada e surfada, ultimamente o Rodrigo Cutelo vem explorando essas ondas na modalidade de Tow-In, mas o cenário é alucinante, não pude deixar de registrar, apesar de ser muito buscada quando rolam essas condições, a onda do vassorão de Itajaí ainda exige muita força e resistência para se entrar nela remando, então ainda pode ser considerada como mais um pico solitário de Itajaí.

Agora essa direita da ilhota do geremias é a mais conhecida, já por muitas vezes foi surfada, só que sempre roda ondas alí quando os outros picos tem muitas ondas, ela é uma onda vislumbrada sempre, apesar de quebrar longe, ela quebra na frente de todos os que estão no mar, e já se visualizou cada situação desta onda que realmente ficou gravada na memória de muitos.
Após quebrar aquele pico lá fora ela vem escorrendo pela ilha e o seu braço se estende até o lado da ilha formando um outro pico que também joga longe a ponta de seu lip.
Essa ja é a onda da praia do geremias, hoje eu não tenho tanta certeza de esta ser uma praia esta mais para costão, pois a area que possuia já desapareceu quase que por completo, nesta foto acima dá para ver a ponta da lage de pedra que tem nesse pico, é bem perigoso surfar aqui na geremias quando roda as condições de leste, mas em dias de maré alta e mares extremamentes grandes de leste e nordeste, esse pico fica de gala.
Essa é uma foto para voce ter idéia de como tinha uma boa faixa de areia a praia de geremias, e para quem não sabe, essa praia tem este nome por causa do único habitante que existia nela, o seu Geremias, um homem que sempre usava um chapéu panamá e de uma longa barba branca e que corria com as pessoas com um chicote nas mãos aos que entravam dentro de sua área residencial que possuia alí
Uma matéria que encontrei na Internet sobre fundos artificiais
Área da Ilha do Atalaia: Local de acesso fácil pelas praias do Atalaia, Jeremias ou Cabeçudas em Itajaí. Também conhecido como “The Box”, o local proporciona uma quebra de onda para a direita em ondulações acima de 2 metros. A quebra para a direita acontece próxima a ilha na área pontilhada (Fig. 6). Porém esta quebra de onda não é extensa e demanda um nível de surfe relativamente alto para o praticante. No caso de instalação de um RAS (fundo artificial), esta quebra de onda pode ser aumentada em extensão, bem como para ondulações a partir de 0,5 metros. Ocorre também uma esquerda no local da área pontilhada (Fig. 6) mais para o meio da praia do Atalaia, porém com pouca condição de surfabilidade. Este local também pode ser melhorado no caso de instalação de um RAS.


Um comentário:

Moacir disse...

Boy,

a Ilha é uma boa esquerda pra quem quer entubar nos dias grandes, o fundo não é muito raso... A direita é boa para manobrar, mas para o surfe é melhor que para o bodyboarding....
já surfei lai algmuas vezes, assim como tbm surfei no cachorro, tanto as esquerdas quanto as direitas.
Porém a esquerda exige muita atenção pois muita pedra aparece no caminho da onda....

valewww

Moa